Mostrando postagens com marcador inspirações. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador inspirações. Mostrar todas as postagens

23 de dez de 2012

Inspire-se: Makes para festas de fim de ano

| | 0 comentários
Olá, meninas!
Dando continuidade aos posts de fim de ano, hoje selecionei algumas makes legais para servirem de inspiração para vocês, já seguindo as principais tendências de make para o verão!
Vamos conferir?

Bocão

Invista sem medo em tons de rosa pink e vermelho. Mas lembre-se: boca tudo, olho quase nada!
































Neutra

Jogue-se na tendência do "quase nada" e arrase!


















Olhão

Aposte em traços esfumados, delineador, sombras coloridas e glitter sem medo. Aqui, olho tudo, boca quase nada!






























Espero que consigam se inspirar nestas dicas!
Até a próxima :)

22 de dez de 2012

Decorando com matrioskas

| | 0 comentários























Você conhece uma matrioska? Aposto que já viu uma, achou fofa, mas não sabia que ela é uma tradição na Rússia. A peça, encontrada em diversos tamanhos e desenhos, simboliza a família: uma mãe carregando os filhos dentro de si. Originalmente, é feita de madeira tília. A bonequinha russa  possui um formato simples e cilíndrico, sendo que seu rosto e detalhes do corpo são determinados através de uma pintura minuciosa.   Os desenhos podem variar de um objeto para o outro, com destaque nas figuras femininas, personagens de contos de fadas e antigos líderes soviéticos. A origem da Matrioska está no Império Russo, de 1890.     Uma onda de brinquedos educativos e folclóricos começou a ganhar espaço no país durante essa época e as bonequinhas passaram a fazer sucesso entre as crianças. Os desenhos representavam as mães camponesas vestidas com trajes tradicionais. Compondo uma decoração, elas podem aparecer em estampas de almofadas, nos adesivos de parede ou então de maneiras mais clássicas: uma dentro da outra ou expostas lado a lado em uma estante ou mesinha.                                                 Vamos conferir ideias de como inserir as bonequinhas russas na sua decoração?











Eu quero esse jogo de cama de marioska! *-*




Então meninas, espero que vocês tenham gostado dessa ideia! Sempre fui apaixonada por matrioskas e, inclusive, já fazem parte da decoração do meu quarto! Até a próxima :)

19 de dez de 2012

Inspire-se: Penteados para festas de fim de ano

| | 1 comentários
Olá, gente!
Sei de muitas meninas que passarão as festas de fim de ano em casa, na praia, em uma festa com os amigos, em cruzeiros marítimos, em festas de "gala" (em clubes, geralmente). Cada uma dessas ocasiões, entretanto, exige um penteado diferente, que pode ser mais elaborado ou mais simples, que podem ser feitos por você mesma ou com a ajuda de um cabeleireiro. Separei alguns penteados para serem usados como inspiração, de acordo com a ocasião. Vamos conferir?

Penteados para festas informais (em casa, na praia, com os amigos...)

A ideia é que você consiga fazer sozinha estes penteados, utilizando apenas coisas básicas e que sempre temos em casa, como babyliss, grampos, fivelas, fixadores, mousses e borrachinhas. Aposte em tranças, rabos de cavalo com volume, prender a franja de um jeito charmoso com grampinhos de cabelo e fivelas e no cabelo torcidinho e preso. 




















































Penteados para festas formais (cruzeiros marítimos, festas em clubes...)

Nestas ocasiões, deve-se usar um penteado mais elaborado, como os coques ou semi-presos. Se você tiver habilidade, pode fazê-lo em casa ou recorrer á um profissional para que ele faça para você. Fuja dos penteados muito "certinhos" e aposte em texturas, volumes, desfiados, e desarrumadinhos.






















E então, já escolheram? São tantos penteados legais, que fica difícil escolher só um!
Espero que vocês possam se inspirar e ficarem gatíssimas neste fim de ano :D
Até a próxima, abraços.

9 de out de 2012

When are you free to take some tea with me?

| | 0 comentários


Querido John,

Porque você não responde ás minhas cartas e aos meus telefonemas? John, John, sinto sua falta! Lembra daquelas tardes que passávamos juntos, tomando chá e comendo seus biscoitos favoritos enquanto discutíamos sobre o mundo? E aqueles dias em que você me levava em seus lugares preferidos? As noites em que deitávamos na grama, sob o céu azul escuro iluminado somente pelas estrelas? Você lembra John? Que saudades que eu sinto de tudo isto, meu querido John.
A vida por aqui está pacata e escura. As luzes estão sempre apagadas e nem uma fagulha de luz ousa me iluminar. Quando você irá voltar para iluminar minha vida, John? O chá e o céu não são os mesmos sem você aqui. Como você pode me deixar desamparada neste lugar estranho? Tudo aqui é estranho e diferente John! Não que eu tenha mudado de cidade, não, eu não mudei. O mundo é que é estranho sem você aqui. 
Já estamos na primavera por aqui, John! Que estação do ano se passa ali? Queria que me ajudasse com as flores, com as tulipas vermelhas, principalmente. Lembra da afinidade que tinha com elas? Dos segredos jogados aos quatro ventos por você? Você agia como se elas pudessem te responder! 
E eu, por trás da cortina da sala, ria da cena hilária que se passava. Desculpe por nunca ter contado que espiava você por entre as leves cortinas floridas, não queria estragar seu momento de extrema sanidade mental.
Sei que já falei demais sobre mim, querido John. Fale-me sobre o que se passa por alí? Adoraria conhecer seu novo refúgio, seus novos hábitos e talvez, agora, poder tocar as estrelas com você. Você me daria uma estrela se a conseguisse pegar, John? Você conheceu pessoas novas? Talvez uma nova pessoa com quem você divida os segredos? Espero que não tenha esquecido de mim, querido. Você anda sempre aparecendo em meus sonhos, sinto como se olhasse o futuro e previsse o passado!
Espero que venha até aqui para tomar uma xícara de chá comigo, John. Sinto que estou cada vez mais perto de encontrá-lo, só me faltam motivação e uma pitada de coragem.                             
Apesar do abandono, eu continuo te amando muito, John.

Abraços apertados de saudades,
 Lucy

Logo após, a garota de olhos tão claros como os sóis de primavera, jogou o conteúdo de um pequeno vidro em seu chá e bebericou-o devagar.
As palavras "Seremos eternos, John" foram pronunciados pelos seus delicados lábios .
Não tardou a chegar o eclipse.

P.S.: Em homenagem á John Lennon, que hoje faria 72 anos. Querido John, sinto muito por você não estar aqui conosco. Obrigada pelas canções maravilhosas e por ter feito do mundo um lugar melhor.

29 de set de 2012

Looks para balada no "inverno"

| | 0 comentários
Como o prometido, aqui está o post sobre balada em dias frios :)
Minha inspiração foi que, com o retorno do inverno em pleno setembro, precisei recorrer á ajudinha da internet para compor um look balada. O lugar é fechado e não é extremamente chique, mas exige um salto alto. Para uma ocasião como essa, você pode abusar de meias calça combinada com shortinhos jeans ou de cetim, composição de vestidos com jaqueta de couro ou blazer, calças de couro, um vestidinho com mangas compridas, blusas de renda ou camisas/camisetes brancas (estilo Carminha rs) ou neon. Nos acessórios, use e abuse de maxi-colares, maxi-brincos e lenços estampados! Aqui vão algumas fotos que eu usei para me inspirar.

















 Espero que essas fotos ajudem vocês também :D

Até o próximo post!

12 de set de 2012

Namore uma garota que lê

| | 0 comentários

     Namore uma garota que gasta seu dinheiro em livros, em vez de roupas. Ela também tem problemas com o espaço do armário, mas é só porque tem livros demais. Namore uma garota que tem uma lista de livros que quer ler e que possui seu cartão de biblioteca desde os doze anos.
Encontre uma garota que lê. Você sabe que ela lê porque ela sempre vai ter um livro não lido na bolsa. Ela é aquela que olha amorosamente para as prateleiras da livraria, a única que surta (ainda que em silêncio) quando encontra o livro que quer. Você está vendo uma garota estranha cheirar as páginas de um livro antigo em um sebo? Essa é a leitora. Nunca resiste a cheirar as páginas, especialmente quando ficaram amarelas.
     Ela é a garota que lê enquanto espera em um Café na rua. Se você espiar sua xícara, verá que a espuma do leite ainda flutua por sobre a bebida, porque ela está absorta. Perdida em um mundo criado pelo autor. Sente-se. Se quiser ela pode vê-lo de relance, porque a maior parte das garotas que leem não gostam de ser interrompidas. Pergunte se ela está gostando do livro.
     Compre para ela outra xícara de café. Diga o que realmente pensa sobre o Murakami. Descubra se ela foi além do primeiro capítulo da Irmandade. Entenda que, se ela diz que compreendeu o Ulisses de James Joyce, é só para parecer inteligente. Pergunte se ela gostaria ou gostaria de ser a Alice.
      É fácil namorar uma garota que lê. Ofereça livros no aniversário dela, no Natal e em comemorações de namoro. Ofereça o dom das palavras na poesia, na música. Ofereça Neruda, Sexton Pound, cummings. Deixe que ela saiba que você entende que as palavras são amor. Entenda que ela sabe a diferença entre os livros e a realidade mas, juro por Deus, ela vai tentar fazer com que a vida se pareça um pouco como seu livro favorito. E se ela conseguir não será por sua causa.
     É que ela tem que arriscar, de alguma forma. Minta. Se ela compreender sintaxe, vai perceber a sua necessidade de mentir. Por trás das palavras existem outras coisas: motivação, valor, nuance, diálogo. E isto nunca será o fim do mundo.
      Trate de desiludi-la. Porque uma garota que lê sabe que o fracasso leva sempre ao clímax. Essas garotas sabem que todas as coisas chegam ao fim. E que sempre se pode escrever uma continuação. E que você pode começar outra vez e de novo, e continuar a ser o herói. E que na vida é preciso haver um vilão ou dois.
      Por que ter medo de tudo o que você não é? As garotas que leem sabem que as pessoas, tal como as personagens, evoluem. Exceto as da série Crepúsculo.
      Se você encontrar uma garota que leia, é melhor mantê-la por perto. Quando encontrá-la acordada às duas da manhã, chorando e apertando um livro contra o peito, prepare uma xícara de chá e abrace-a. Você pode perdê-la por um par de horas, mas ela sempre vai voltar para você. E falará como se as personagens do livro fossem reais – até porque, durante algum tempo, são mesmo.
      Você tem de se declarar a ela em um balão de ar quente. Ou durante um show de rock. Ou, casualmente, na próxima vez que ela estiver doente. Ou pelo Skype.
      Você vai sorrir tanto que acabará por se perguntar por que é que o seu coração ainda não explodiu e espalhou sangue por todo o peito. Vocês escreverão a história das suas vidas, terão crianças com nomes estranhos e gostos mais estranhos ainda. Ela vai apresentar os seus filhos ao Gato do Chapéu [Cat in the Hat] e a Aslam, talvez no mesmo dia. Vão atravessar juntos os invernos de suas velhices, e ela recitará Keats, num sussurro, enquanto você sacode a neve das botas.
     Namore uma garota que lê porque você merece. Merece uma garota que pode te dar a vida mais colorida que você puder imaginar. Se você só puder oferecer-lhe monotonia, horas requentadas e propostas meia-boca, então estará melhor sozinho. Mas se quiser o mundo, e outros mundos além, namore uma garota que lê.
     Ou, melhor ainda, namore uma garota que escreve.

 Créditos: Original: Date a girl who reads – Rosemary Urquico                 Tradução: Gabriela Ventura

24 de ago de 2012

Bolinhas em alta

| | 0 comentários
O famoso tecido de bolinhas dos anos 50 está de volta. Ele foi tema das vitrines e inspiração para roupas e acessórios da Louis Vuitton em suas muitas lojas espalhadas pelo mundo e tem tudo pra virar tendência. Algumas fotos pra vocês:





Detalhes dos acessórios, como viseiras, óculos escuros, bolsinhas e carteiras de bolinhas.
Óculos, calça e sapatos de bolinhas.
#Medo dessa bonequinha, mas o óculos é lindo.


Que bolsa lindjá!
Então, comecem a dar uma procuradinha em itens que tenham estampa de bolinhas e entrem já nessa moda!

MyFreeCopyright.com Registered & Protected